Psicografias de Junho

Rosângela,

Gostaria de dizer que venho sempre aqui te buscar, mas nem sempre encontro bons pensamentos que me induzem a sentir melhor, então saio triste da experiência do reencontro.

Eu soube do teu emprego, do teu filho, da falta de dinheiro, das dificuldades. E tu sempre te perguntas por que sofro tanto. Quando Deus olhará por mim!

Se soubesses que tu és a menina dos olhos Dele, não irias crer. Lembras quando entraste no carro e achaste esquisita a tranca que deu defeito. Pensaste: “sou tão azarenta que isso só acontece comigo.”

Criança, te digo, havia um homem que desejava se esconder dentro do automóvel, a fim de lhe abordar quando nele entrasses. Mas ele não conseguiu, pois no momento que tentou, quebrou, e o mesmo desistiu.

O filho que tiveste, pensaste: “como sou infeliz por ser mãe solteira.” Creias que este foi o grande remédio para tua interminável solidão, e entre fraldas e chupetas esqueceste a depressão.

Atribuís tua falta de emprego à falta de sorte e qualificação, mas te digo: foram os últimos anos de teus pais, dos quais te despediste, tendo usufruído de mais tempo com eles, portanto, não tens arrependimentos desta sorte.

Vejas, tudo é uma questão de como enxergar filha, tira estes óculos da vista, dá uma encerada nestas lentes, e decidas, a partir de agora, veres positivamente.

Estou contigo, tua tia amada, que quando eras criança muito te abraçaste. Feliz de quem tem a sorte de poder visitar a família aqui neste plano.

Um beijo. Gostaria de voltar… mas já sabes, pega teu lencinho e bota os óculos no ponto do “BOM ENXERGAR”

Psicografia recebida no C. E. Yvonne A. Pereira, no dia 13 de abril de 2017

****************************************************************************************

Senhor

Nesta manhã que se levanta venho te agradecer, agradeço as bênçãos recebidas, a tranquilidade da noite que passou e o ânimo do meu despertar.

Obrigada por me enviar um guia protetor que nunca me deixa só. Obrigada por todo amor que sinto por ti senhor!

Que meu dia seja produtivo e meu espírito se inspire a crescer, um passo a cada dia na estrada de minhas existências ontem, hoje e no próximo amanhecer.

Bom dia senhor, tu és o meu bom pastor, que faz meus verdes pastos florescer.

Psicografia recebida no C. E. Yvonne A. Pereira, no dia 13 de abril de 2017